Rio de Janeiro

Os primeiros religiosos mínimos – Pe. Giuliano Accardo, Pe. Luigi Allevato e Frei Natale Ravasio – chegaram ao Brasil no dia 16 de novembro de 1955, na cidade do Rio de Janeiro, então capital do país. Por orientação do Cardeal Arcebispo D. Jaime de Barros Câmara, estabeleceram-se na Barra da Tijuca – bairro que naquela época era habitado apenas por algumas famílias espalhadas por uma vasta área -, onde iniciariam suas atividades apostólicas. A Paróquia São Francisco de Paula foi criada por decreto do arcebispo D. Jaime em 2 de abril de 1959.

Nos anos 1980, a Ordem sentiu a necessidade de difundir ainda mais seu carisma e despertar novas vocações. Surgiu então a idéia da expansão para uma nova casa. A cidade escolhida foi Guarapuava, no centro-oeste do Paraná. Os primeiros frades mínimos lá chegaram no dia 29 de outubro de 1982, assumiram a paróquia de Santana na cidade, e em seguida cuidaram de construir um novo seminário. Este novo seminário foi inaugurado no dia 12 de maio de 1988 como “Casa de Noviciado” da Ordem no Brasil. Hoje lá funciona o “Seminário Menor”,

Fone Comunidade do Rio de Janeiro  (21) 2493-6298